Irmã Dulce e o Espiritismo

 

Irmã Dulce e o seu relacionamento amigável e respeitoso com o Espiritismo.

A veneranda Irmã Dulce, outro espírito luminoso que passou pela Terra, em Salvador, Bahia, era grande amiga de Divaldo Franco, criador e mantenedor da Mansão do Caminho, que atende mais de 3.000 crianças por dia naquela cidade.

Quando dispunha de saúde relativa, ela não tinha preconceito algum e, seguidamente, ia ao Centro Espírita Caminho da Redenção e perguntava a Divaldo:

– Meu filho, a irmã do “lado de lá” tem mensagem à irmã do lado de cá?!

“Irmã do lado de lá”, simplesmente é a Mentora Espiritual de Divaldo Franco, Joanna de Ângelis.

Depois de certo tempo, quando a saúde de Irmã Dulce se agravou, era Divaldo quem ia visitá-la em seu hospital, onde ela ficava boa parte do tempo em uma cadeira, orientando os trabalhos, e ali era sua cama.

A seu lado, sempre um balão de oxigênio.

Divaldo, uma vez indagou:

– A irmã não gostaria que fizéssemos uma campanha para comprarmos uma cama hospitalar para a senhora? Ela respondeu:

– Não, meu filho, graças a essa cadeira eu já consegui mais de 20 camas para meus doentes…

As pessoas doavam-lhe camas achando que ela iria ter mais conforto, mas aquele nume tutelar dos doentes e sofredores abria mão das camas e assim seu hospital tinha mais leitos…

 

 

 

 

 

A influência da música na sociedade

A música é a principal arte em todo o mundo. Desde tribos indígenas, até em grandes cidades, a música é em especial uma forte presença artística na cultura.

Read More

Carta de uma Menina para Deus

* História Verídica

Cachorra morre e menina de quatro anos escreve para Deus: Read More

APOMETRIA

Vamos resumir a Técnica Apométrica para fácil entendimento.

CONCEITO

É uma técnica que pode ser aplicada em todas as criaturas, não importando a saúde, a idade, o estado de sanidade mental e a resistência oferecida.  Read More

A vida nos apresenta pessoas e Deus nos mostra quem devemos manter do nosso lado.

Eu mudei sim, e não foi pouco não, foi muito, quando coisas e pessoas que eu julguei interessante se tornaram desinteressantes e vazias pra mim. Read More

O DIA QUE CHICO XAVIER QUASE FOI ASSALTADO

O fato ocorreu em Pedro Leopoldo.
Chico costumava acompanhar até às pensões ou hotéis as visitas que ficavam no Centro até o término das reuniões, que se dava por volta de duas horas da manhã.
Certo dia, já de volta ao lar, foi abordado por dois desconhecidos, que ele sabia não serem da cidade, e um deles foi logo dizendo:
– Passe para cá todo o dinheiro que tiver em seu bolso.
Chico remexeu seus bolsos e, só encontrando cinco cruzeiros, disse aos ladrões:
– Olhem, eu só tenho cinco cruzeiros, mas por favor, não me façam mal. Tenho muitas crianças para cuidar.
Um dos assaltantes, que parecia ter alguma bondade nos olhos, perguntou:
– Você é casado?
– Não, respondeu o Chico.
– Então, que história é essa de crianças?
– São as crianças que eu cuido, umas são parentes, outras necessitadas, mas olho-as todas.
Nisso o outro assaltante intervém, dizendo:
– Não falei que não valia a pena assaltá-lo? Veja as roupas remendadas. O sapato, então, parece a boca aberta de um jacaré. Vamos embora que esse aí está pior que nós.
O assaltante então perguntou:
– Você ainda tem aqueles duzentos cruzeiros com você?
– Você não vai fazer o que eu estou pensando, vai?
– Vamos, passe o dinheiro depressa.
De posse do dinheiro, entregou-o ao Chico e disse:
– Tome, compre leite para as suas crianças.
E, chamando o outro ladrão, foram embora.
Chico, aliviado, escorou-se num poste e disse:
– Muito obrigado, meus irmãos. Que Jesus os abençoe e acompanhe.
O ladrão que havia lhe dado o dinheiro lhe respondeu:
– Você acha que Jesus vai nos abençoar e acompanhar? Nós somos ladrões!
– Como não, meu irmão, disse-lhe o Chico, Ele escolheu dois para sair da Terra com Ele.

Da obra: Kardec Prossegue – Adelino da Silveira

A TRISTE GERAÇÃO QUE SE ESTRESSA E SE FRUSTRA POR TUDO.

“Me deixa! Estou estressado!” A geração que se estressa e se frustra por tudo. Que se consideram eternamente infelizes. Read More

QUEM SÃO OS VAMPIROS ASTRAIS?

Acordei no meio da noite e senti uma presença no meu quarto. Ela se aproximou e pressionou meu peito. Eu estava imóvel sem conseguir me mexer. O que aconteceu afinal?

Esse tipo de relato não é tão raro como se pensa. Muitas pessoas têm a impressão de acordar no meio da noite e não conseguirem se mexer, estarem presas e sem qualquer movimento corporal. A esse fenômeno se dá o nome de “Catalepsia Projetiva” no Espiritualismo. Trata-se de um fenômeno que tem uma explicação científica e também uma explicação espiritualista. Eu acredito mais na explicação espiritualista do fenômeno, pois ela descreve com mais clareza todas as facetas desse acontecimento insólito.

Em primeiro lugar, não estamos totalmente acordados nesse momento. A impressão que uma pessoa tem quando se vê deitada na cama sem se mover é de que acordou e não consegue se mexer, pois ela pode enxergar tudo o que ocorre a sua volta, no quarto e até a si mesma. No entanto, ela está ainda em estado de sono, ou ao menos em estado de semi-despertar, e é possível que até os seus olhos estejam fechados no momento em que há o retorno de sua consciência. Isso ocorre porque em realidade a pessoa não está com seu corpo imóvel, ela simplesmente não consegue mover o corpo físico porque não acordou e está em estado de semi-projeção astral.

Mas o que significa semi-projeção astral? Os estudos espiritualistas nos revelam que nosso corpo espiritual sai do corpo físico todas as noites quando adormecemos. A grande maioria não se recorda de suas viagens pelos espaços astrais, mas de fato o corpo espiritual se libera do corpo material e flutua por vários locais, seja no nível da crosta terrestre, vendo pessoas e coisas, seja nos planos espirituais mais elevados, como o plano astral ou mental.Durante a semi-projeção, diz-se que o corpo espiritual ou corpo astral não saiu adequadamente do corpo físico, ou não fez seu retorno ao corpo, para reacoplamento, de forma adequada. Isso significa que, no ato do retorno ao corpo físico, o corpo espiritual pode não conseguir “encaixar” adequadamente no corpo físico, e essa dificuldade de ajuste pode fazer com que a pessoa não adquira o controle de seus movimentos corporais. A pessoa pode ver seu aposento em nível astral, ver a si mesma, ver entidades espirituais, mas está com os olhos físicos fechados. Nesse momento, a pessoa em semi-projeção não está no controle de sua visão material, com os olhos físicos, mas sim com sua visão astral, que independe do olho humano. Por isso, no momento do retorno e da dificuldade do “acoplamento” ao corpo físico, a visão psíquica ainda está aberta, e nesse sentido, é possível visualizar nosso aposento tal como ele é em seu nível astral. Por esse motivo, uma ou mais entidades espirituais podem ser vistas, assim como outras energias do ambiente.Todo esse processo é bastante propício à intervenção dos chamados “vampiros astrais”. Os vampiros astrais são entidades desencarnadas que vivem no nível da crosta terrestre sugando a energia de seres vivos para que consigam manter a integridade do seu corpo astral. Diz a literatura espiritualista que, após a morte, o corpo etérico e astral se dissolvem algum tempo após o desencarne, o corpo etérico antes e o corpo astral depois. Um espírito muito apegado a matéria pode desejar se manter no nível da Terra por mais tempo e o faz por vários motivos: 1) para continuar influenciando nos assuntos humanos; 2) para continuar ligado a encarnados que lhe sejam caros, como familiares e amigos; 3) para continuar usufruindo dos prazeres materiais em possessão aos encarnados, dentre outros motivos. Mas para que ele consiga se manter por um tempo maior, ou até indefinidamente, ele precisa sugar a energia dos seres vivos, animais e pessoas, e a melhor energia para ele é a humana.
De acordo com o relato, o espírito aproximou-se da pessoa e pressionou seu peito. Os vampiros astrais realizam esse procedimento para, com isso, extrair as energias das pessoas. Eles se aproveitam de uma situação de semi-projeção para ter contato com o corpo espiritual da vítima em ligação com o corpo físico, e assim obter mais sucesso no ato de sorver a energia dos encarnados. Existem muitos vampiros astrais atuando hoje em dia no planeta, e muitos deles ficam esperando o momento ideal para investir contra suas vítimas. Muitos vampiros astrais pressionam o peito das pessoas, e durante a semi-projeção, elas sentem como se o seu peito físico estivesse sendo tocado, mas na verdade essa sensação não é física, mas sim etérica. A sensação etérica é bem semelhante a sensação física, mas ela existe além do nível material, dentro de um nível vibratório.

A melhor forma de evitar a presença de vampiros astrais é manter uma vida elevada, de princípios morais, virtudes e atitudes solidárias e caridosas. Não guardar mágoa, não sentir raiva, perdoar e viver sob a égide do amor universal em Deus. Uma oração antes de dormir, elevando nossa mente a Deus também pode ajudar a nos manter numa vibração que os vampiros astrais não conseguem alcançar.

Autor: Hugo Lapa

Read More

DEPRESSÃO PÓS PARTO NA VISÃO ESPÍRITA

O período compreendido entre o parto e o retorno do corpo da mulher às condições pré-gravídicas é conhecido entre os médicos como puerpério. É nesse momento que uma série de expectativas e mitos cultivados ao longo da gravidez começam a se concretizar ou a se desfazer. Read More

VISÃO ESPÍRITA DA PÁSCOA

Visão Espírita da Páscoa

Encontramo-nos, mais uma vez, na época da Páscoa. Páscoa é uma palavra hebraica que significa “libertação”. Read More